Logo Academia Oxigênio em Colatina

HIIT

HIIT.j.jpg

Dias e Horários:

3ª a 5ª de 07:00 as 08:00 / 19:00 as 20:00

 

Para iniciar o treino, o aluno:

Participa da Anamnese com o professor do horário;

Faz Avaliação Física(opcional);

Define objetivos com o professor;

Você pode ainda optar pelo Combo HIIT +

  • Musculação
  • Bike inddor
  • Step
  • Jump
  • DançaMix
  • Pilates com bola
Você já ouviu falar ou experimentou o HIIT?
 
HIIT é a abreviação para High Intensity Interval Training, termo inglês para Treinamento Intervalado de Alta Intensidade.

Esse tipo de treinamento foi criado na década de 1930, pelos alemães Woldemar Gerschler e Hebert Reindel. Mas, foi em 2014, que surgiu no top ranking do “American College of Sports Medicine”.

O treinamento intervalado de alta intensidade se caracteriza por sessões de alta intensidade intervaladas com sessões de repouso passivo ou ativo. Diferentemente, do treinamento tradicional, de natureza contínua, composto por estímulos de intensidade moderada e constante durante a execução do exercício.

Os estímulos rápidos de alta intensidade do HIIT, consome mais calorias comparado aos treinos tradicionais, especialmente no período pós-exercício.

Sua eficiência está ligada a intensidade do treinamento superior ao limiar anaeróbio, onde os estímulos quebram a zona de “steady state”, instante em que todas as funções do nosso corpo, necessárias para realizar um exercício,  estão em equilíbrio. Quando saímos da zona de “steady state” aumentamos a oferta de oxigênio a nível celular, e como resultado é exercido um impacto evidenciado na taxa metabólica basal e na capacidade de oxidação de gorduras.

Esse excesso de consumo de O2 pós-exercício é chamado de efeito EPOC (Excess Post-Exercise Oxygen Consuption).

E quais são os benefícios desse tipo de treinamento?
 
O HIIT pode melhorar: 
A capacidade aeróbia e anaeróbia;
A pressão sanguínea;
A saúde cardiovascular;
A sensibilidade à insulina, porque os músculos usam mais facilmente a glicose como fonte de energia;
Os perfis de colesterol;

A gordura abdominal e o peso corporal, enquanto mantém a massa muscular.

Esta modalidade tem-se mostrado efetiva para quase todos os praticantes. Podendo ser segura para indivíduos de baixo risco, como para indivíduos de rico moderado. Jé indivíduos de alto risco e quem já possui doença cardiovascular pré-existente, devem buscar supervisão médica para a prática.